terça-feira, 28 de abril de 2015

Uma viagem a Andrômeda

Você já imaginou como seria viajar até a nossa vizinha galáctica, a famosa galáxia de Andrômeda? Ninguém tem a mais vaga ideia de como transpor esse imenso vazio cósmico. Ainda assim, graças ao Telescópio Espacial Hubble, podemos até imaginar como seria chegar lá e estudar suas estrelas individualmente. Combinando nada menos que 411 imagens, astrônomos operando o venerável satélite da Nasa construíram a visão mais detalhada já obtida dessa incrível galáxia.
A visão mais detalhada já produzida da galáxia de Andrômeda, obra do Telescópio Espacial Hubble (Crédito: Nasa/ESA/STScI)
A visão mais detalhada já produzida da galáxia de Andrômeda, obra do Telescópio Espacial Hubble (Crédito: Nasa/ESA)
Pouco mais de um terço dela, um volume com 40 mil anos-luz de diâmetro, é visível no mosaico construído como parte de uma iniciativa conhecida pela sigla inglesa PHAT (Tesouro Pancromático de Andrômeda do Hubble, em português).
Apesar de linda, talvez a imagem panorâmica acima não faça jus ao projeto. Em sua versão mais ampla, para ser vista por inteiro, ela precisaria ser disposta em cerca de 600 televisores de alta resolução. São mais de 1,5 bilhão de pixels e mais de 4 gigabytes. Dê uma olhada num único pedacinho dela logo abaixo. (Ou, se você realmente quiser ficar embasbacado, visite esta versão com “zoom”.)
Um pequeno recorte da superimagem de Andrômeda. As setas indicam aglomerados estelares. (Crédito: Nasa/ESA)
Um pequeno recorte da superimagem de Andrômeda. As setas indicam aglomerados estelares. (Crédito: Nasa/ESA)
No total, o Hubble conseguiu enxergar individualmente 100 milhões de estrelas. Acima, por exemplo, as setas indicam dois aglomerados estelares — berçários marcados pela presença de muitas estrelas azuis. Ainda assim, claro, é um percentual pequeno do total de estrelas a habitar Andrômeda, estimado em 1 trilhão.
Imagem de contexto mostra o recorte de Andrômeda registrado pelo projeto. O quadrado é a foto de cima, o recorte em torno é parte da pesquisa, mas está fora da imagem acima.
Imagem de contexto mostra o recorte de Andrômeda registrado pelo projeto. O retângulo mostra a região da foto de cima; o recorte irregular em volta também foi fotografado como parte do projeto PHAT. (Crédito: Nasa/ESA)
CONTEXTO GALÁCTICO
O resultado, apresentado ontem na reunião da Sociedade Astronômica Americana, em Seattle (EUA), nos oferece uma oportunidade única de observar toda a organização que apresenta uma galáxia espiral de um ponto de vista de fora dela, a uma confortável distância de 2,5 milhões de anos-luz. É o contorno de um problema que enfrentamos quando estudamos nossa própria galáxia, a Via Láctea. Como estamos “do lado de dentro”, por assim dizer, é muito mais difícil estudarmos a estrutura do nosso próprio lar galáctico. Sabe como é, o gramado do vizinho pode até não ser mais verde, mas é mais fácil de ver por inteiro.

Andrômeda, ao que tudo indica, é um pouco maior do que a Via Láctea e tem cerca do dobro da massa. Mas ambas são espirais, compostas por longos braços de poeira que se estendem da região central da galáxia como um turbilhão em torno do olho de um furacão. Estudar uma nos ajuda a compreender a outra, portanto.
O Sol, em torno do qual a Terra gira, é apenas uma modesta estrela anã amarela residente na periferia da Via Láctea, a cerca de 30 mil anos-luz do turbulento centro galáctico. De dentro da Via Láctea, admirando o céu noturno a olho nu, enxergamos apenas as estrelas mais brilhantes num raio de cerca de 4.000 anos-luz. Mesmo sem a poluição luminosa das grandes cidades, aquela visão ainda é modesta demais para compreendermos nossa pequenez.
Olhe, em vez disso, para Andrômeda, na imagem mais próxima. Escolha um pontinho de luz qualquer. É uma estrela. Agora observe os arredores. E isso é apenas um pequenino pedaço de uma galáxia espiral. Agora imagine que o Universo observável tem mais de uma centena de bilhões de galáxias parecidas com ela e com a nossa. Cada uma delas esse enxame de pequenos pontos de luz, cada um uma estrela, a imensa maioria com sua coleção de planetas. Planetas como o nosso. Esse é o tamanho da nossa pequenez.
Ainda assim, nos aventuramos a olhar para cima e desvendar a história do cosmos. Construímos telescópios e foguetes. Com eles, aprofundamos nosso alcance. A imaginação humana pode ir a Andrômeda. Pode ir até o fim do Universo, se assim desejar. Quão pequenos somos, mas quão grandiosos são os nossos sonhos e como é maravilhosa a história cósmica que a ciência nos revela.
Talvez pareça meio frustrante tirar a Terra do centro de um Universo tacanho e colocá-la em torno de uma estrela vulgar, que por sua vez co-habita lado a lado com centenas de bilhões de estrelas numa galáxia de porte médio, dentre centenas de bilhões de outras galáxias que existem por aí. Mas acho maravilhoso pensar que, apesar de vivermos nesse modesto grão de areia em meio a uma imensa praia cósmica, nossas mentes conseguem abarcar o cosmos por inteiro. A grandeza humana não consiste em sermos a coisa mais importante do Universo, e sim em sermos capazes de compreendê-lo. Precisamos ser únicos, solitários, centrais, para que isso seja especial? Creio que não.

segunda-feira, 27 de abril de 2015

A NASA forma uma coalizão sem precedentes para encontrar vida em outros planetas



A NASA reúne esforços para saber se existe vida extraterrestre. A agência convocou especialistas de 12 instituições científicas para formar uma coalizão sem precedentes que buscará a resposta a esta incógnita.
A NASA decidiu dar um passo em frente na solução a uma pergunta que inquieta a todos os terráqueos: Estamos sozinhos?
Para isto a agência convocou cientistas de várias disciplinas de dez diferentes universidades e dois institutos de investigação que buscarão vida em outros planetas, sob a liderança dos cientistas da própria NASA, informa o Jet Propulsion Laboratory (JPL) da agência.
A coalizão, denominada ‘The Nexus for Exoplanet System Science’ (Nexo para a ciência do sistema de exoplanetas, NExSS), estará formada por cientistas em áreas de ciências da Terra, ciências planetárias, astrofísica e heliofísica (que estuda o Sol).
EXOPLANETAS
Os cientistas estudarão as condições nos exoplanetas, ou seja, os planetas que se encontram fora do sistema solar, e tentarão entender se estes são aptos para a vida.
Outra de suas tarefas será a de confirmar se há vida nestes planetas e buscar o modo para entender como detectar neles sinais de vida ou bioassinaturas.
Os estudos multidisciplinares investigarão como interage a biologia nos exoplanetas com a atmosfera, a geologia, os oceanos e o interior dos planetas, e como impactam sobre estas interações as estrelas que orbitam respectivos exoplanetas, explica a NASA.
Nos últimos 10 anos se confirmou a existência de pelo menos 1.000 de exoplanetas, enquanto que a existência de outros milhares está pendente de confirmação.

China libera foto de base lunar alienígena



O seguinte artigo, escrito por Milton Cooper, foi publicado no site humansarefree.com.
Embora não tenhamos neste momento como comprovar a veracidade das informações nele contidas, fica aqui o registro para nossos leitores.  Vale lembrar também que estas alegações já circulam pela Internet por vários meses, mas até agora não houve nenhuma comprovação vinda do governo chinês:
O Dr. Micheal Salla alega a existência de um Complexo Militar Industrial Extraterrestre (Military Industrial Extraterrestrial Complex, ou MIEC), e que a Terra está sendo assimilada por uma agenda alienígena que também opera na Lua.
A foto abaixo é similar a muitas que tenho visto.  Parece que os chineses que tiraram a foto confirmaram que os ETs existem.  Provavelmente, os chineses já estão em contato com esses alienígena.
Isso explicaria o porquê de tantos rádios telescópios estarem procurando por sinais de alienígenas, e muitos mais destes equipamentos sendo construídos neste instante, porém nenhum sinal de alienígenas ainda foi reportado à população.
O relatório estipula:
Foram-me enviadas algumas fotos de uma fonte, a qual alega que a China estará liberando imagens de alta resolução tiradas pela sonda orbital lunar Chang’e-2, as quais mostram claramente prédios e estruturas na superfície da Lua.  A fonte também alega que a NASA tem, deliberadamente, bombardeado importantes áreas na Lua, numa tentativa de destruir instalação e artefatos alienígenas antigos.
“As  fotos, que ainda deverão ser liberadas, claramente mostram crateras de impacto e destroços de prédios, causados por explosões infligidas pela NASA para destruir a verdade.  A China está se movendo em direção de um desacobertamento completo da realidade extraterrestre. Se estas e futuras imagens forem certificadas como genuínas, a NASA deveria ser investigada por fraude e traição.  A China irá liberar todos os dados e imagens do Chang’e-2 nas próximas semanas e meses.  Vamos esperar que isso nos traga uma nova era.”
Há uma ‘Base Alienígena’ na Lua?  Mais e mais pessoas estão se manifestando com histórias que poderão provar este fato.  Rumores dizem que há uma Base Alienígena na Lua, em seu lado oculto, que é o lado nunca visualizado da Terra.
Você já imaginou porque os pousos na Lua cessaram e porque não tentamos construir uma base lunar?  Esta não parece ser uma ideia melhor e mais fácil do que construir uma estação espacial flutuante, sem nenhum acesso à matéria prima ou suprimentos?
De acordo com o astronauta Neil Armstrong, da NASA, os alienígenas possuem uma base na Lua e nos disseram para ficarmos afastados da Lua!
Parece algo impossível?  Milton Cooper, um Oficial de Inteligência Naval (EUA), nos diz que, não só há uma base alienígena na Lua, mas também a Comunidade de Inteligência Naval dos EUA ser refere à esta base como “Luna”, e que há uma enorme operação de mineração lá ocorrendo, e é lá onde os alienígenas mantêm suas enormes naves mãe, enquanto as viagens para a Terra são feitas em ‘discos voadores’ menores.
LUNA: A base alienígena no lado oculto da Lua.  Ela foi vista e filmada pelos astronautas do projeto Apolo.  Uma base, uma operação de mineração que usa máquinas grandes, bem como enormes naves alienígenas descritas em relatos de avistamentos como ‘naves mãe’, lá estão.

veja links dos videos abaixo:
https://youtu.be/hKadoX3rfcE
https://youtu.be/vmRwQCoK_XY

Dr. Steven Greer: dezenas de espécies de ETs são benevolentes e ansiosos para fazer Contato



Em uma entrevista recente, o Dr. Steven Greer declarou que, para seu conhecimento, existem dezenas de espécies de extraterrestres benevolentes que estão ansiosos para fazer contato com a gente. "Esses seres estão muito ansioso para encontrar seres humanos que são iluminados, que eles se aproximam de forma pacífica, porque o que nossos classificado projetos  secretos militares têm tentado fazer é tentar controlar esses objetos e derrubá-los. "- Dr. Steve Greer Na opinião do Dr. Greer, o fenômeno UFO se intensificou após o desenvolvimento de armas nucleares , quando tornou-se uma ameaça à nossa própria existência, o planeta que habitamos e, possivelmente, para outras espécies inteligentes no Universo também. "Eu acho que eles [os extraterrestres] estiveram aqui, em torno, por muitos milhares de anos; Eu certamente duvido que seja um fenômeno recente. "Eu acho que se você olhar para isso e falar com as pessoas na inteligência britânica e as pessoas no United States Military, o aumento real desses eventos aconteceu em torno do momento em que começamos detonar armas nucleares, e ao mesmo tempo, começou a sair no espaço. "Você tem que entender que qualquer civilização que chegou a um ponto de coexistência pacífica, que iria ver-nos a evoluir fora de época da II Guerra Mundial para este período pós Segunda Guerra Mundial, onde começou para ir para o espaço, mas, ao mesmo tempo começou a desenvolver bombas de hidrogênio e armas nucleares. "Eu acho que isso seria colocar uma grande bandeira vermelha sobre este planeta e meu entendimento é que eles são muito preocupados com o que estamos fazendo para este planeta e também que não vire solto no Universo, onde podemos ser uma ameaça para outros planetas que  existem pacificamente e não têm sequer o conceito de sistemas de guerra e armas. " Além disso, Dr. Greer não acredita em abduções alienígenas e mutilações afirmando que, em sua opinião, todos eles são encenadas pelo governo como uma tática de intimidação, de modo que não nos opomos a ideia de armar o espaço. "A grande mitologia do mundo idade nova é que há a bons e os maus e, na realidade, a maioria de que é desinformação criada pela comunidade de inteligência para assustar as pessoas, porque, eventualmente, eles gostariam de  nos colocar todas essas armas no espaço e gastar trilhões de dólares em Star Wars [tecnologia ]. E isso é exatamente o que temos feito. "Eu tenho pessoas que trabalharam nesses programas na década de 1960, onde já tinham sistemas de armas que foram baseados no espaço, que foram dirigidas a esses veículos extraterrestres. Isso vem acontecendo há 40 anos. " Dr. Greer também afirmou que, para seu conhecimento, nenhuma das dezenas de espécies de ET que nos visitam são hostis. Em suas próprias palavras, "alguns deles [os ETs] são bastante preocupado de nossa hostilidade e tem feito as coisas para tentar conter . nós ... como uma quarentena " Você pode ouvir toda a entrevista abaixo e por favor, desfrutar da maravilhosa CGI metragem de ETs benevolentes que operam no espaço e em torno de mundos alienígenas:
Infelizmente, óculos de visão noturna não estão disponíveis em todos os países, não podem ser encomendados a partir de países que os proíbem. No YouTube, você verá vídeos de pessoas "chamado" UFO com canetas de laser infravermelho. Eles também vão usar essas canetas para salientar óvnis a outras pessoas que possam estar assistindo com eles. Muitos dos mais altos óculos de visão noturna qualidade e lunetas custam vários milhares de dólares. A maioria de nós não pode pagar um "Geração 3" ou "Gen 4" tipo de monocular / óculos de proteção, mas existem alternativas. Eu tenho um Yukon 5 × 42 Digital Noite Visão monocular Ranger e é difícil ir mais de 10 minutos sem ver um OVNI. Você pode encontrar essa marca monocular especial novo na Amazon por menos de US $ 400. Eu também tenho um ATN PVS7 Gen 3 Noite goggle visão com um tubo de Alpha que é simplesmente incrível, mas estes tipos de óculos de proteção esta a partir de $ 2,200- 4.000 dólares +. A diferença entre o Yukon 5 × 42 Noite Digital Vision Rangers monocular eo ATN PVS7 Gen 3 Noite óculos de visão é como tentar ver televisão, sem cabo em uma TV preto e branco ao usar "orelhas de coelho" para uma antena contra assistindo a um DVD de alta qualidade em um 50 "HDTV ... não que eu assisto muita TV, para começar ... LOL Se você está procurando algo em óculos de visão noturna, que é melhor do que o seu próprio dois olhos e acessível, ir com o Night Ranger monocular. OU ... salvar-se e obter um bom par de óculos de visão noturna. Qualquer escolha vai mostrar mais UFO do que o que você pode ver a olho nu!

Veja os Vídeos nos links Abaixo:
Ative a legenda com tradução no vídeo.
https://youtu.be/JozCsfnatNk
https://youtu.be/fRG6LQghYFw



Cientista Confirma: Aliens Criado nossa espécie!



22 de abril de 2015 - Depois de mais uma análise abrangente, com a ajuda de outros cientistas, programadores de computador, matemáticos e outros eruditos em grande quantidade, o professor Chang se perguntou se o aparentemente "junk DNA humano" (por favor consulte o nosso post anterior sobre o assunto AQUI ! ) foi potencialmente criado por algum tipo de "programador extraterrestre" e talvez este seja o elo que faltava para a raça humana!
Professor Chang, em seguida, estabelece ainda que:
"Nossa hipótese é que uma forma mais elevada de vida extraterrestre estava envolvido na criação de uma nova vida e plantá-la em vários planetas. A Terra é apenas um deles . "
Professor Chang indica ainda que:
"O que vemos em nosso DNA é um programa que consiste em duas versões, uma grande código e código básico."
Mr. Chang então continua a confirmar que o "primeiro fato é, o 'programa' completa foi positivamente não está escrito na Terra; que agora é um fato constatado. O segundo fato é que genes por si só não são suficientes para explicar a evolução; deve haver algo mais em 'jogo'. "
Professor Chang - Um homem que a conhecem?
Professor Chang - Um homem que a conhecem?
"Mais cedo ou mais tarde", o professor Chang diz que "nós temos que vir a enfrentar a noção inacreditável que toda a vida na Terra carrega código genético para seu primo extraterrestre e que a evolução não é o que nós pensamos que é."
Implicações Projeto Genoma Humano Descoberta associados com "extraterrestres de aparência humana"

As implicações ainda emocionantes graves dessas descobertas científicas que AINDA reforçar reivindicações por parte de outros cientistas de renome melhores e observadores de ter contato com humanos que procuram extraterrestres 'fora do mundo'!
Humanos que procuram extraterrestres O 'off-mundo "aparente foram alegou ter fornecido algum do material genético importante para a evolução humana, e que muitos desses extraterrestres têm permitido algum do seu pessoal para encarnar como" sementes estelares' na Terra em famílias humanos. Estes " as sementes das estrelas "," estrela crianças "ou" Povo das Estrelas "~ de qualquer forma, parece que realmente vêm das estrelas!
Sementes Estrelas - Seres das Estrelas !?
Sementes Estrelas - Seres das Estrelas !?
O DNA humano codificado com sinais extraterrestres
Em 2013, os melhores cientistas do Cazaquistão confirmou que que o DNA humano foi codificado com um sinal extraterrestre por uma antiga civilizações alienígenas que visitaram o planeta Terra antes da nossa existência!
O filme Prometheus - Baseado em uma história verdadeira?
O filme Prometheus - Baseado em uma história verdadeira?
Os cientistas agora chamam de "SETI biológico" e os pesquisadores afirmam que o código matemático no DNA humano não pode ser explicada pela evolução de modo que este só vem a uma conclusão, que somos de uma origem estrangeira nós mesmos como uma espécie!
Em um círculo sobre a maneira, todos nós somos um tipo de vida, os navios de respirar por algum tipo de mensagem alienígena, que é mais facilmente usado para detectar vida extraterrestre do que via transmissão de rádio ... .perhaps é por isso que muitos de nós estão começando a 'acordar'!
"Uma vez fixado, o código pode ficar inalterado em escalas de tempo cosmológicas; na verdade, é a construção mais durável conhecido ", escreveram os pesquisadores na revista científica Icarus. "Portanto, ele representa um armazenamento excepcionalmente confiável para uma assinatura inteligente.
"Uma vez que o genoma é apropriadamente reescrito o novo código com uma assinatura vai ficar congelado na célula e sua descendência, que pode então ser entregue através do espaço e do tempo."
Os cientistas também afirmam que o DNA humano é ordenado com tanta precisão que revela um " conjunto de padrões aritméticos e ideográfica de linguagem simbólica ".
Sua pesquisa importante tem levado os cientistas a concluir que foram inventadas "fora do sistema solar, já vários bilhões de anos atrás."
Um mistério permanece: Se estivéssemos a criação de aliens, que os criou ......!?!?
É o DNA alienígena dentro de nós que está começando a causar esse
É o DNA alienígena dentro de nós que está começando a causar esse "despertar em massa" em todo o mundo !?

É claro e levando os cientistas 'Liberal' estão começando a confirmar que nós, a raça humana, são, na verdade de uma origem estrangeira e este planeta pode não ser onde se originou a partir!
E isso faz muito sentido, como muitos de nós "humanos" têm este sentimento interior que somos parte de algo muito maior do que o que nós jamais poderia de imaginado e tornaram-se uma espécie de obcecado em encontrar a verdade, e não apenas sobre o OVNIs no céu, mas, talvez, com a descoberta da verdade sobre onde nós se originam de dentro do Universo ....
A verdade está chegando as pessoas ... e nenhum governo pode nos esconder da verdade mais, não importa o quanto eles tentem !!

Cidade Flutuante “Interdimensional” Testemunhado por centenas de pessoas na África



Centenas de moradores africanos afirmaram ter visto uma cidade dimensional entre flutuante.
O evento incrível aconteceu em um vilarejo fronteiriço chamado Dulali, em Lanzai Sul Ward, Darazo, Governo Local do Estado de Bauchi, na Nigéria.
Segundo relatos, Saidu Meshai Dulali, um cervejeiro aldeia chá, tinha "acabado sua oração da manhã na mesquita local e foi alimentando-se do fogão para seu dia de trabalho."


Quando de repente, Saidu percebeu uma luz extremamente brilhante que permeia a atmosfera envolvente, seguido de uma súbita percepção de que os céus estavam caindo sobre a aldeia. Quando ele olhou para o céu invadindo, ele viu a vista mais fascinante de seu 40 anos existência no planeta Terra. De acordo com Saidu:
"Não parecia uma ampla grande massa de algo que parecia uma nuvem de lugar nenhum, e ele estava voando lentamente sobre a vila apenas na altura de uma árvore de média.
"A nuvem era transparente e vi belos edifícios altos dentro dele.
Era como uma cidade flutuante. E com isso eu podia ouvir o som das máquinas que fazem o ruído, assim como você ouviria em Ashaka fábrica de cimento ".

Para ser justo, se tinha de Saidu sido a única testemunha dessa experiência ainda estranha brilhante, ele praticamente teria sido impossível tomar o seu testemunho pessoal como fato. Mas foi então descoberto depois de sua afirmação de que a "cidade flutuante" foi testemunhado por quase todos os moradores na área local, no momento, de fato, centenas deles, o Chefe do Imam da única vila Mesquita inclusive.

Veja o video no link Abaixo: 
https://youtu.be/yeNI-kF7pSU

Fonte:http://www.ufointernationalproject.com

sábado, 25 de abril de 2015

Conheça as profecias mais arrepiantes de Rasputin, o Monge Louco


Também conhecido como “Monge Louco”, Grigori Yefimovich Rasputin (1869-1916) foi um famoso místico russo de origem camponesa e baixa formação escolar, que exerceu uma influência enorme sobre a monarquia russa. Responsável por curas milagrosas, ele foi descrito historicamente como um ser espiritual, de faculdades extrassensoriais assustadoras e um dom especial para a premonição. Listamos abaixo cinco de suas previsões mais aterrorizantes.
• “O útero da mulher será como a terra dos rios; ambos serão estéreis. E isto será uma dádiva, pois o útero não estéril e a terra não estéril criarão monstros. Desventurado o dia em que o útero materno for comercializado – como se comercializa a carne dos bovinos. Nesses tempos, o homem, criatura de Deus, se transformará em criatura da ciência”.
• “Os venenos abraçarão a Terra como um amante fogoso. E, neste mortal abraço, os céus terão o hálito da morte, e as fontes não darão senão águas amargas, e muitas destas águas serão mais tóxicas que o sangue podre da serpente. Os homens morrerão por causa do ar, mas será dito que morreram do coração ou dos rins... E as águas amargas vão infectar os tempos como a cicuta, porque as águas amargas trarão tempos amargos”.
• “As plantas, os animais e os homens foram criados para ficarem divididos. Mas vai chegar o dia em que não haverá mais fronteiras, então o homem será meio homem e meio vegetal. E o animal será animal, planta e homem. Nesses campos, sem fronteira, vereis pastar um monstro chamado kobala”.
• “Quando as imagens voarem, aparecerá um fruto venenoso, e serão muitos que o comerão. E o fruto venenoso transformará os homens em animais, incapazes de levantar a cabeça aos céus... As imagens que voam consumirão as forças do homem, mas o fruto venenoso irá embriagá-lo. E quando tudo tiver terminado, o homem ficará mais cansado e destruído, mais faminto do que antes”.
• “O ar que hoje desce aos nossos pulmões para levar a vida levará um dia à morte. E chegará o dia em que não haverá montanha nem colina; não haverá mar nem lago que não esteja envolvido pelo hálito fétido da morte. E todos os homens respirarão a morte, e todos os homens morrerão por causa dos venenos suspensos no ar. As plantas ficarão doentes e morrerão uma atrás da outra. Os bosques se transformarão em um enorme cemitério, e, entre as árvores secas, vagarão, sem rumo, homens aturdidos e envenenados pelas chuvas venenosas”.

Viajando pelo espaço com o Hubble

POR SALVADOR NOGUEIRA

Quantas vezes você viu uma daquelas imagens incríveis do Hubble e quis por um instante ser capaz de viajar até lá para ver tudo de perto? Pois bem. Hoje, vamos fazer exatamente isso.O aglomerado Westerlund 2 e a nebulosa Gum 29, em imagem obtida pelo Hubble em comemoração a seus 25 anos (Crédito: Nasa/ESA/STScI)
O aglomerado Westerlund 2 e a nebulosa Gum 29, em imagem obtida pelo Telescópio Espacial Hubble em comemoração a seus 25 anos de operações em órbita (Crédito: Nasa/ESA/STScI)

Em comemoração aos 25 anos do telescópio mais amado do mundo, completados exatamente hoje, 24 de abril de 2015, a Nasa e a ESA produziram uma reconstituição de como seria uma jornada interestelar até um aglomerado de estrelas chamado Westerlund 2. 

Confira o vídeo, narrado peloMensageiro Sideral.

https://youtu.be/Bt9RYNv1eNg

Westerlund 2 fica na região da nebulosa Gum 29, localizada a 20 mil anos-luz da Terra, na constelação austral da Quilha (ou Carina). O Hubble só pode fotografá-la das redondezas da Terra, a partir de sua órbita a cerca de 500 km de altitude. Mas imagine percorrer essa distância toda em pouco mais de um minuto, atravessando incríveis nuvens e pilares onde novas estrelas estão prestes a nascer, e então chegar ao aglomerado aberto, recheado de estrelas jovens e muito brilhantes. Estima-se que ele tenha apenas 2 milhões de anos — uma ninharia em termos cósmicos.
Em mais alguns milhões de anos, muitas dessas estrelas maiores explodirão em rápida sucessão, como milho de pipoca, na forma de supernovas. Essa violência acabará por levar à dispersão do aglomerado, e as estrelas mais modestas se espalharão pela Via Láctea. Um dia, num passado remoto, quase 5 bilhões de anos atrás, algo parecido deve ter acontecido ao nosso Sol.
É um daqueles momentos de revelação. A mesma coisa que aconteceu por aqui há muito tempo, neste exato momento, se desenrola em outros cantos da galáxia, e acontecerá ainda em muitos outros lugares espalhados pelo cosmos. Somos parte de uma história muito maior que nós mesmos. E, graças ao Hubble, temos hoje o poder de contextualizar nosso papel no incrível teatro do Universo.


sexta-feira, 24 de abril de 2015

OVNI / UFO é filmado durante erupção do vulcão Calbuco, no Chile


Em vídeos publicados no YouTube ontem (23), que mostram a violência da erupção do vulcão Calbuco, aparece um objeto voador não identificado logo ao lado da coluna de fumaça.
Obviamente, pela distância que o objeto se encontra das câmeras, não se pode concluir assertivamente que tipo de nave seria, mas há uma grande chance de que os voos (pelo menos por humanos) tivessem sido banidos de toda a área, devido ao perigoso ambiente propiciado pela erupção.
Veja dois vídeos, de fontes diferentes, nos links abaixo mostrando o mesmo OVNI:

Vídeo viaFabrizio Alvarez
O vulcão Calbuco, localizado no sul do Chile, não entrava em erupção há quatro décadas e a área está sendo evacuada.
Colaboração: Carlos Abreu, Renato Silva

quinta-feira, 23 de abril de 2015

Veterano de guerra do Vietnã alega que OVNIs estiveram em contato com os militares dos EUA durante o conflito… e ainda estão

The KB-50J fuel tanker aircraft George Filer III was flying in UK in 1962 when mothership seen

George Filer III diz que era um ex-oficial de Inteligência da Força Aérea dos EUA, cuja função era a de registrar avistamentos e informações sobre a atividade de OVNIs nas décadas de 60 e 70.  Ele é o mais recente, de um número de militares e veteranos da NASA, a se manifestar com histórias de encontros com OVNIs e alienígenas.
Filer alega que, enquanto estava servindo no Vietnã durante a guerra, ele tinha “acessotop secret” e gerava relatos diários ao General George S. Brown, o vice-comandante das operações aéreas durante aquele conflito.
Inicialmente, seus relatos consistiam de inteligência estratégica, mas depois ele alega que muitas vezes seu trabalho resultava no registro de estranhos avistamentos de naves alienígenas e contatos entre elas e as tropas e aeronaves dos EUA.
Ele disse para o Huffington Post: “Os militares estavam interessados nos OVNIs, porque estes tinham capacidades muito além de tudo que tínhamos, e eles queriam descobrir o que era essa tecnologia e, francamente, a quem pertencia.  Frequentemente, o Vietcong, ou vietnamitas do norte, atacavam um posto avançado e eu explicava (isto para Brown), e tínhamos apoio por terra e por ar, particularmente à noite, quando íamos lá com aeronaves, e eu reportava tudo isso.  Algumas vezes, havia naves não identificadas na zona desmilitarizada.
Filer insiste que sua experiência e relatos de outros militares foram além do que somente avistamentos distantes de OVNIs e que haviam naves não identificadas “interagindo” com os jatos dos EUA.
A aeronave tanque KB-50J que George Filer III voava no Reino Unido em 1962, quando a ‘nave mãe’ teria sido avistada.
Ele ainda disse: “Você tem uma aeronave voando junto, indo a aproximadamente 500 nós e o OVNI vem e faz piruetas ao redor das aeronaves e então voa a três vezes a velocidade de um dos jatos mais rápidos que temos na Força Aérea.  Assim, obviamente, ele tem tecnologia muito mais avançada do que qualquer coisa que temos.
Ele alegou que muito disso foi relatado a ele extra oficialmente, pois se alguém expressasse “muito interesse”, isto poderia arruinar sua carreira.
Filer alega que os avistamentos continuam até hoje, com veteranos da guerra mais recente no Afeganistão também relatando sobre avistamentos em site de pesquisa de OVNIs.  Ele alega, em outro relato de um encontro com OVNI no Vietnã em 1968, que um barco de patrulha estadunidenses entrou em contato por rádio dizendo que estavam sendo seguidos por dois OVNIs circulares e brilhantes, enquanto o barco ia através da zona desmilitarizada entre o Vietnã do Norte de do Sul.  Um segundo barco então viu um clarão, seguido por uma explosão que teria destruído o barco que inicialmente relatou o OVNI.
A recent picture of George Filer taken from a recent video of him on the UFO seminar circuit
Foto recente de George Filer, extraída de um recente vídeo dele num congresso de OVNIs.
O estudioso de OVNIs, que gerencia o site http://www.nationalufocenter.com, também fala sobre um incidente notável no Reino Unido, quando ele era o navegador de um avião de reabastecimento em 1962 e ficou frente-a-frente com um enorme objeto voador não identificado.  Ele disse que estava no Mar do Norte, quando o Controle de Londres perguntou se a tripulação poderia interceptar um objeto sobre Stonehenge.  Filer reportou que estava vendo “luzes ao redor do objeto, marcando o formato de um cilindro, como um navio de cruzeiro“, antes do objeto “rapidamente subir e desaparecer“.
Recentemente, Clark C. McClelland, que diz ter trabalhado na NASA como engenheiro aeroespacial por 35 anos, de 1958 a 1992, alega ter tido vários avistamentos, inclusive tendo visto um alienígena de 2,7 metros de altura, usando um traje espacial, interagindo com dois astronautas da NASA no Ônibus Espacial, enquanto ele estava no Centro Espacial Kennedy, no Cabo Canaveral – Flórida, em 1991, observando a missão.
Ele também falou que perdeu sua aposentadoria.  McClelland também tem seu próprio site: www. stargate-chronicles.com.
Veja o vídeo, em inglês, das declarações de George Filer III:
Clique no link abaixo

terça-feira, 21 de abril de 2015

Objeto não identificado filmado sobre a Represa de Jurumirim em Avaré, SP



Represa de Jurumirim fica no estado de São Paulo é formada pelo represamento pela Barragem de Jurumirim, no rio Paranapanema e banha dez municípios no centro-sul do estado. (http://pt.wikipedia.org/wiki/Represa_de_Jurumirim)
O caso ocorreu no mês de março/2015 e continua a intrigar as testemunhas, a hipótese de se tratar de algo conhecido foi descartado, avião, balão, helicoptero, drone e satélite, sendo o último impossível por tratar-se de um veículo que voa altitudes espaciais.
ver videos reportagem no link abaixo:
https://youtu.be/WqI8Y1K92L4
https://youtu.be/gpOUlvLh2f8

Giorgio Bongiovanni falará sobre o Terceiro Segredo de Fátima

Giorgio Bongiovanni será uma das grandes atrações do III Fórum Mundial de ContatadosEstigmatizado italiano também apresentará no Fórum Mundial de Contatados as evidências que apontam para o breve contato aberto com entidades alienígenas

A Ufologia Brasileira já se movimenta para o III Fórum Mundial de Contatados, marcado para Porto Alegre, onde acontecerá entre os dias 12 e 14 de junho. São 16 conferencistas, vindos de todo o Brasil e exterior, entre pesquisadores, testemunhas, contatados e abduzidos, cujas apresentações abordarão variados temas da Ufologia. O evento já é um grande sucesso, após o preenchimento de 300 das 450 vagas disponíveis. A procura tem sido intensa, portanto os interessados devem se apressar e realizar suas inscrições o quanto antes no site oficial do evento, disponibilizado ao final do texto.
Entre os grandes destaques estará o italiano Giorgio Bongiovanni. Mundialmente famoso, já tendo sido recebido por altas altoridades civis e militares de diversos países, passou a dedicar-se à Ufologia após conhecer o contatato Eugenio Siracusa, que se tranformou em seu guia espiritual. Em setembro de 1989, em uma visita ao Santuário de Fátima em Portugal, recebeu os estigmas que o tornaram conhecido. Nessa época, passou a viajar pelo mundo divulgando a presença na Terra de outras inteligências, em missão pacífica ao nosso planeta, assim como os sinais que, de acordo com ele, apontam para a iminente segunda vinda de Jesus Cristo.
Além da Ufologia, que divulga através da revista Nonsiamosoli (que mantém junto com o irmão) e que o levou a visitar diversos países, Giorgio está convicto de que a batalha do bem contra o mal precisa ser constante. Dessa forma, Bongiovanni também fundou a revista Antimafia Due Milla, com a qual se dedica a denunciar as ações da máfia na Itália e outros países. E profundamente convicto de que sua divulgação da Ufologia também tem um lado missionário, ele mantém um organismo, a Fundación los Niños del Mañana, que atua na América Latina alimentando crianças carentes. Além disso Bongiovanni mantém centros de estudo cosmológicos nos quais divulga as mensagens que recebe por via mediúnica.
ALIENÍGENAS EM MISSÃO NA TERRA
Bongiovanni defende que alienígenas agressivos, capazes de percorrer as imensas distâncias no Universo e chegar à Terra para explorar ou atuar contra a humanidade não existem, se autodestruindo antes que possam causar dano a outras espécies. Estes seriam na realidade uma invenção dos serviços de inteligência, a fim de manipular a realidade ufológica e impedir que a sociedade terrestre conheça a verdadeira natureza dos extraterrestres. E desde que recebeu os estigmas em 1989, Bongiovanni tem se comunicado com os que qualifica de seres de luz, além de ter tido contatos que classifica como espirituais, durante os quais lhe foi revelado o Terceiro Segredo de Fátima. Este, conforme o italiano irá expor no III Fórum Mundial de Contatados, é um aviso não somente da segunda vinda de Cristo, mas também do iminente contato da Terra com outras espécies cósmicas.


CRÉDITO: ARQUIVO REVISTA UFO
Giorgio Bongiovanni
Giorgio Bongiovanni

 Giorgio Bongiovanni explica porque decidiu revelar tudo que sabia: "Depois os eventos se manifestaram, certificando-me da legitimidade da mensagem e me fazendo acreditar ainda mais nela, porque tudo aquilo que foi anunciado está se concretizando, ponto por ponto". O italiano se refere ao estado de crise em que o mundo está mergulhado, prenúncio segundo ele de profundas mudanças que ocorrerão em breve, e que irá detalhar em sua apresentação no III Fórum Mundial de Contatados. O evento acontecerá em Porto Alegre entre os dias 12 e 14 de junho, tem 450 vagas disponibilizadas, das quais, relembramos, 300 já foram preenchidas. Os interessados devem se apressar para realizar a inscrição no site oficial do evento, disponibilizado abaixo. Ali também estão todas as informações a respeito dos conferencistas e os temas de suas apresentações, e também de hospedagem durante o congresso.
Fonte: Revista UFO

segunda-feira, 20 de abril de 2015

Edgar Cayce – O enigma da Esfinge, Provável Existência de uma ‘Cápsula do Tempo’

Previsões do paranormal americano Edgar Cayce reforçam a provável existência de uma 'cápsula do tempo' enterrada entre as patas dianteiras da esfinge egípcia
O conteúdo dessa cápsula seriam textos sobre uma grande civilização
que existiu há 12.000 anos!!!
Edgar Evans Cayce foi um paranormal norte-americano que teria canalizado respostas para questões que tratam sobre espiritualidade, imortalidade, reencarnação, saúde, dentre outras.
Nascimento: 18 de março de 1877, Hopkinsville, Kentucky, EUA
Falecimento: 3 de janeiro de 1945, Virginia Beach, Virgínia, EUA
Wikipédia
Em 1993, testes com um tipo de sonar, revelaram que existe uma câmara entre as patas dianteiras da esfinge. Os pesquisadores afirmam que alguém, deliberadamente, construiu uma espécie de cápsula do tempo, narrando os eventos de quase 12.000 anos atrás, a grande civilização que existiu e sobre um grande cataclismo que a fez desaparecer.
Outras evidências
Os últimos estudos arqueológicos revelam que a esfinge mostra sinais de erosão por chuvas torrenciais que só poderiam acontecer nessa região do Egito em 10.500 A.C., quando Gizé era uma planície verdejante.
Em outra pesquisa descobriu-se que, em 10.500 A.C., a esfinge estaria "olhando" para a constelação de Leão e próximo estaria Órion, representando as pirâmides. 10.500 A.C. é, portanto, a única data em que a imagem do céu bateria com o conjunto de monumentos em Gizé.
Mas... a Era de Leão iniciou exatamente nesse época...
a +/- 10.800 anos atrás indo até 8.840 a.C...
e Leão é o signo zodiacal oposto a Aquário que determina a Era de Aquário - a era atual em fase de transição... como indica a imagem abaixo...
veja que o ponto vermelho bem próximo da faixa amarela é o Sistema Solar
se aproximando da tal faixa de Fótons...
mais uma coincidência?
A ligação entre as previsões de Cayce e a esfinge
O canal americano Sightings exibiu um programa sobre o famoso paranormal/vidente Edgar Cayce e sua ligação com o enigma da esfinge pois, nos anos 30, ele previu que os arquivos da Atlântida (o continente perdido) seriam encontrados na última década do século, em uma câmara entre as patas da esfinge.
Batalha pelos Registros Atlantes sob a Esfinge
Por Krsanna Duran
"...A descoberta de câmaras embaixo da mais antiga escultura do mundo desencadeou uma luta pela dominação entre os governos mundiais, alguns indivíduos e os poderes ocultos da Terra.
As tramas em andamento pela captura da antiga tecnologia atingiram um nível mais alto em 1993, quando foi descoberta uma passagem escondida na Grande Pirâmide.
Usando um robô designado como UPUAT2, o engenheiro alemão Rudolf Gantenbrink descobriu que um conduto de ar na Câmara da Rainha terminava abruptamente, em vez de prosseguir até a superfície da pirâmide.
Fotografias tiradas pelo UPUAT2 revelaram eletrodos de metal de alta tecnologia instalados numa porta do conduto, no mínimo há 4 mil anos. Com isso, foi rompido o verniz de silêncio místico que recobre a realidade fatual de que fontes de poder de elevada tecnologia foram usadas no antigo Egito.
Essa descoberta ameaçou o dogma central de que a confiança na sabedoria em vigor deve ser preservada a qualquer custo, para não perturbar o doce usufruto das mordomias.
Estava ameaçada a crença popular de que o Homo Sapiens atingiu em nosso tempo o ápice do desenvolvimento. Outros já tinham estado ali e atingido esse nível — e então deixaram como testemunho as pirâmides.
Foi programado que o conduto seria aberto publicamente com uma câmara de microvideo em março de 1997, depois que o seu conteúdo havia sido secretamente visto pelos poderosos. Informações transmitidas a Richard Hoagland originárias de um “espião” amigável no Egito sugerem que a porta foi aberta em 20 de outubro de 1996, às nove horas da manhã. Por trás da porta havia uma pequena câmara contendo apenas a estátua de um homem negro sentado, empunhando um ankh.
O significado dessa estátua, do ankh e a data detêm a chave para uma tecnologia que governou esse planeta com suprema elegância antes de decair ao longo da espiral evolutiva.
O mito moderno da civilização egípcia forjado no século passado, quando os investigadores viajavam em navios a vapor, se estilhaçou com os laser amplificados por cristais.
O inventário de lindas gemas confiscadas durante as Guerras das Pirâmides (8970 a.C.) tinha um contexto tecnológico que se soletrava p-o-d-e-r. Importantes fios foram tecidos ao longo do Nilo durante milhares de anos, para se entrelaçar em nossa época com investigadores recentemente banidos do Egito.
Em 1992, John Anthony West e o Dr. Robert Schoch publicaram indicações de que a Esfinge tinha sido erodida pela água no período 7000-5000 a.C., provando desse modo que os monumentos eram mais antigos que a mais antiga dinastia egípcia.
O atual povo egípcio migrou para a área da Esfinge e da Grande Pirâmide, já existentes, e construíram réplicas inferiores do que encontraram. Túmulos do Antigo Reino no planalto de Gizé cortados da mesma rocha que a Esfinge não apresentam a erosão aquática da Esfinge. Portanto, a Esfinge deve ser muito mais antiga do que as estruturas do Antigo Reino.
Câmaras abaixo da Esfinge (previstas desde 1934 por Edgar Cayce, o “profeta adormecido”) foram descobertas por meio de sismógrafos e ondas de sonar em 1993. Zahi Hawass, do Departamento Egípcio de Antiguidades, negou a interpretação da visível evidência da erosão aquática, bem como a existência de câmaras subterrâneas.
O turismo é o sustentáculo multibilionário da economia egípcia, e novas descobertas apontando para uma história das pirâmides anterior aos egípcios foram recebidas com hostilidade.
Enquanto isso, pesquisas empreendidas por Robert Bauval e Graham Hancock, co-autores de Message of the Sphinx (A mensagem da Esfinge) foram apresentadas num documentário da BBC exibido em todo o mundo.
O livro, best-seller em 1996, e o documentário chamavam atenção para a negativa do governo egípcio sobre a existência das câmaras.
Num confronto do velho estilo, Bauval, Graham Hancock e John Anthony West foram expulsos do Egito e, para ter certeza de que sua posição era inequívoca, membros do Departamento de Antiguidades ameaçaram cortar as cabeças dos pesquisadores e defecar sobre elas!
Essa não era a primeira vez que o governo egípcio bania pesquisas que punham em risco sua afirmação de que seus ancestrais haviam construído aqueles antigos monumentos.
Após conduzir uma equipe de pesquisa em Saqara, onde foram feitas importantes descobertas acerca do ankh, o Dr. Lawrence Kennedy fora banido do Egito em 1980. Kennedy ganhou o status de persona non grata quando tirou fotografias da imagem de um UFO em forma de charuto numa parede que permanecia fechada ao público desde 1922.
Mas o destino estabelece seu próprio terreno de jogos, e as pesquisas do Dr. Kennedy em 1980 tinham desvendado o ankh. (1) Observando que o ankh era o único símbolo-chave não associado a um hieroglifo, ele levantou a hipótese de que não se tratava de uma forma de linguagem mas de um objeto ou instrumento real.
Representações do ankh sempre o mostravam sendo entregue a um faraó por uma divindade, ou sendo entregue ao povo pelo faraó. O ankh, o antigo símbolo de Vênus, era um instrumento dado a um faraó por um deus. Kennedy suspeitava de que o ankh fosse usado para ativar o tímus, que controla o processo de envelhecimento.
Realizando experimentos com combinações de metais empregados pelos egípcios, o Dr. Kennedy desenvolveu um ankh que produzia mudanças tangíveis na energia humana, visíveis nas fotografias Kirlian.
O ankh que ativa a energia humana sutil era feito de ouro, prata e cobre entrelaçados numa haste de cristal. A estátua de um homem empunhando um ankh no seu colo mostrava sua posição quando presumivelmente ele ativa o corpo humano.
Modelos viáveis do ankh com uma haste de cristal corroboraram a tecnologia de cristal da Atlântida descrita por Edgar Cayce.
Ao longo de 30 anos, por meio de uma série de palestras privadas, Edgar Cayce descreveu a civilização da Atlântida, um continente que submergiu no Oceano Atlântico.
A fonte de energia para a tecnologia atlante descrita por Cayce eram os “cristais de fogo” que acumulavam o calor da atmosfera. Essa energia armazenada era em seguida distribuída através da malha da Terra para o benefício do público, o que incluía o fornecimento de energia a submarinos e aeronaves.
A partir do auge da civilização atlante, 50.000 anos atrás, três cataclismos que se estenderam por 28.000 anos quebraram o continente, formando uma cadeia de ilhas; o afundamento da maior ilha, Poseidon, ocorreu em 10.500 a.C.
O primeiro cataclismo foi provocado quando os indivíduos responsáveis por ajustar a freqüência da malha da Terra acidentalmente a sintonizaram num nível elevado demais.
Há cerca de 22.000 anos, a energia anteriormente usada para propósitos pacíficos foi desviada para armamentos, o que provocou o segundo cataclismo. Um raio penetrou com violência na superfície do planeta, rompendo uma placa tectônica no Oceano Atlântico e quebrando o continente em várias ilhas.
O desaparecimento final das ilhas veio após milênios de conflito entre os sacerdotes de Baal, que introduziram sacrifícios, e os sacerdotes da Lei do Uno.
Como a cadeia de ilhas afundou no decorrer de milhares de anos, nos últimos séculos da Atlântida foram feitas migrações para o Egito, a China e a América Central.
Pirâmides nesses locais, algumas descobertas apenas nas últimas décadas, dão testemunho das palavras proféticas de Cayce.
Mais um post by: UFOS ONLINE
                                             Veja os Vídeos Abaixo: