sábado, 7 de janeiro de 2017

NASA descobre objeto estranho de 200 km de diâmetro na órbita de Netuno



Um estranho objeto de aproximadamente 200 quilômetros de diâmetro e com comportamento incomum foi descoberto orbitando ao redor de Netuno.
O satélite, de procedência misteriosa, foi identificado no mês de agosto e batizado de Niku, que significa “rebelde” em chinês, por causa de seu comportamento fora do padrão, que está confundindo os pesquisadores.
A característica anômala de Niku que mais chamou a atenção dos astrônomos foi sua movimentação ao redor de Netuno de forma ascendente, a 110 graus em relação ao plano do Sistema Solar. Além disso, e diferentemente da maioria dos corpos celestes que fazem parte da galáxia, Niku oscila para trás em torno do Sol.
Embora não haja consenso científico a respeito disso, alguns especialistas afirmam que esse objeto, além de outros de características similares detectados ao seu redor, podem ter se separado do resto do Sistema por causa da atração gravitacional do suposto “Planeta Nove”, um astro que existe hipoteticamente. O Planeta Nove ou “X” seria dez vezes maior que a Terra e estaria localizado nas fronteiras finais do nosso Sistema Solar.
Outra hipótese sobre a origem de Niku é a “maré galáctica”, que, de acordo com Mateo Payne, do Harvard-Smithsonian Center for Astrophysics, em Cambridge, nos EUA, poderia produzir forças sobre o Sistema Solar capazes de lançar cometas em direção ao seu interior.
Os astrônomos estão tentando detectar mais objetos espaciais com comportamentos orbitais semelhantes, para poder compreender melhor o fenômeno.
Fonte: RT