segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Antes de morrer, renomado cientista da Área 51 gravou depoimentos impactantes sobre seu trabalho com extraterrestres

Assista ao video abaixo e veja suas declarações [EM INGLÊS]




Após a morte do cientista norte-americano Boyd Bushman, foi divulgada uma filmagem na qual o especialista afirma ter trabalhado no estudo de naves e corpos extraterrestres, em uma base secreta da Força Aérea dos EUA. No vídeo, Bushman, um importante ex-pesquisador da corporação aerospacial Lockheed Martin, mostra uma série de fotos correspondentes a diferentes tipos de alienígenas e naves espaciais, que, segundo ele mesmo explica, foram feitas com câmeras descartáveis na Área 51, a famosa base de operações secretas da Força Aérea dos EUA, no estado de Nevada.
“No que se refere às naves extraterrestres, contamos com o apoio de cidadãos norte-americanos, que trabalhavam 24 horas por dia estudando os óvnis. Procuramos entender o que deveríamos fazer”, disse o especialista. Ele explicou também que existem dois grupos fundamentais de alienígenas atualmente em estudo: “Parece um rancho. Um grupo é de vaqueiros e o outro é de ladrões de gado. Os vaqueiros são mais amistosos e se dão melhor conosco”, afirmou Bushman.